Alitalia pode se tornar uma empresa com participação da Lufthansa

A anos o imbróglio envolvendo o Governo da Itália e a companhia aérea estatal Alitalia, não ganha um desfecho. Nas últimas mudanças sobre a empresa, uma nova empresa com novo nome seria criada a partir da antiga Alitalia, e desde o final de 2020 a nova empresa começou a ganhar contornos. 

Desde 2017 a Alitalia se encontra em uma delicada situação financeira, no qual se mantem praticamente com a ajuda do governo local. Mesmo ano após ano com o governo investindo para manter a principal empresa aérea operando, o grande objetivo sempre foi encontrar um parceiro forte para a Alitalia.

Uma companhia aérea sempre foi o grande objetivo do governo para que a Alitalia estivesse em boas mãos. Há muito tempo a Lufthansa era a melhor escolha na opinião dos executivos da Itália. A empresa italiana já passou pelas mãos da Etihad que não foi o suficiente para tirar a empresa do prejuízo. 

A gigante alemã conhecida mundialmente, tem participação em outras grandes empresas como a Swiss. A Lufthansa foi a responsável por reverter a situação da Swiss e de outras empresas ao longo dos anos, e hoje operam praticamente com lucro todos os anos.  

Ao que tudo indica a Lufthansa deve estar interessada no negocio porém com um plano proposto pela companhia alemã. Segundo informações seria um plano que possui 3 etapas e envolve o governo da Itália.

A primeira parte consiste em repassar todos os ativos da Alitalia para a companhia Alitalia Cityliner, que é sua subsidiaria. Dessa forma a Lufthansa iria começar a promover grandes mudanças na administração da empresa matriz. 

Após isso, a segunda etapa vem com o Ministério da Economia da Itália assumindo o controle da nova empresa resultante das mudanças dentro da Alitalia. As operações seriam reduzidas e os serviços modificados para se adequar ao cenário financeiro da empresa.

Na terceira etapa viria com o investimento da Lufthansa tanto na empresa matriz como na subsidiaria regional Alitalia Cityliner, após todas as mudanças em todas as partes da empresa. Ao que tudo indica, a Lufthansa já iniciou todo o processo.

As mudanças propostas pela Lufthansa começam 1 mês depois que representantes da empresa alemã estiveram na Itália para conversar sobre a Alitalia. Após as mudanças, caso tenha êxito, as duas empresas se tornariam parceiras para compartilhar voos e vendas.

Quanto tempo para a mudança e o que mais poderia mudar? 

Lufthansa Alemanha

O tempo estimado para que as mudanças sejam aplicadas e os resultados comecem a aparecer deve levar por volta de 6 meses. O governo italiano está buscando manter uma forte parceria com a Lufthansa para que a Alitalia finalmente possa decolar e manter suas operações de uma forma melhor. 

Como toda empresa com vinculo com a Lufthansa, a Alitalia deixaria a aliança global Skyteam para se filiar a Star Alliance no qual a empresa alemã é uma das fundadoras. O processo de mudanças em vendas, plataformas e conectividade levaria pelo menos 1 ano para se concluído. 

Ainda não foi detalhado quais os serviços e quais mudanças na frota seriam feitos pela companhia aérea alemã. 

Com todas as mudanças feitas, a Lufthansa fortaleceria ainda mais sua presença nos grandes mercados da Europa. A empresa alemã está bem disposta a tornar um sucesso a renovação da Alitalia e torna-la uma grande empresa novamente. 

O post Alitalia pode se tornar uma empresa com participação da Lufthansa apareceu primeiro em AEROFLAP.