Caças da OTAN interceptam bombardeiros russos no Atlântico Norte e Mar Negro

Na última terça-feira, dia 9 de fevereiro, dois caças noruegueses foram lançados da Base Aérea de Bodø para interceptar dois bombardeiros russos TU-160 de longo alcance na costa da Noruega. 

Em um evento separado, aviões de caça da OTAN da Romênia, Bulgária e Turquia em 10 de fevereiro responderam a vários aviões militares russos voando perto do território da OTAN acima do Mar Negro. 

O Centro de Operações Aéreas Combinadas do Sul da OTAN em Torrejón alertou aviões de combate nas bases aéreas Mihail Kogalniceanu, na Romênia, Graf Ignatievo, na Bulgária, e na Base Aérea Merzifon, na Turquia, para responder a um grupo de aeronaves militares russas que operavam no espaço aéreo internacional acima do Mar Negro. A aeronave russa não transmitiu um código de transponder.

Mig-29 da Força Aérea da Bulgária- Foto; Força Aérea da Bulgária

Indicando sua posição e altitude, nem apresentaram plano de voo ou se comunicaram com os controladores de tráfego aéreo. Isso pode representar um perigo para o tráfego aéreo civil.

A formação russa incluía bombardeiros de longo alcance Tu-22 e escoltas de caça. Aeronaves MiG-21 da Força Aérea Romena lutaram para interceptar o grupo. Os caças MiG-29 da Força Aérea da Bulgária foram mantidos em prontidão e as aeronaves F-16 da Força Aérea Turca decolaram para voar em um padrão pronto para responder a qualquer momento. 

Os interceptores da OTAN retornaram às suas respectivas bases depois que o avião militar russo deixou a área. Acompanhando toda a atividade, o Centro de Operações Aéreas Combinadas do estado-maior de Torrejón controlou a ação coordenada e coletiva das Forças Aéreas dos três Aliados que fazem fronteira com os Estados do Mar Negro.

Caça F-16 da força aéra turca- Foto: Força Aérea Turca

Os caças da OTAN estão em serviço 24 horas por dia, prontos para decolar em caso de voos suspeitos ou não anunciados perto do espaço aéreo de nossos Aliados. O policiamento aéreo é uma forma importante de a OTAN fornecer segurança aos seus membros.

 

Fonte: NATO/OTAN

O post Caças da OTAN interceptam bombardeiros russos no Atlântico Norte e Mar Negro apareceu primeiro em AEROFLAP.