Bombardier decide encerrar produção do icônico Learjet

“I’m in the high-fidelity first class travelling set. I think I need a Learjet”

Quem não lembra deste trecho da música Money, da banda de rock Pink Floyd?

Por anos o Learjet foi sinônimo de jato executivo privado, de alta velocidade, mesmo assim acessível e muito seguro se bem operado.

Ele foi um dos pioneiros neste setor de jatos executivos dedicados, ainda na década de 60, época em que foi lançado e ocorria uma grande escalada dos aviões a jato.

O Learjet tem muita história para contar. Foram várias versões dessa aeronave ao longo das últimas décadas, a fuselagem base foi projetada diversas vezes para aumentar o tamanho do avião, e fornecer maior alcance.

No entanto, a história desse icônico jato executivo está com os dias contados. Nesta quinta-feira (11) a Bombardier declarou que o Learjet deixará de ser fabricado ainda em 2021.

A Bombardier disse que planeja para o futuro apenas focar nos seus jatos executivos da linha Challenger e Global. Há vários anos o Learjet não listava volumosas quantidades de encomendas, e já dava sinais que não conseguiria concorrer com aviões mais modernos produzidos pela Embraer, Cessna e Honda.

Ao mesmo tempo o encerramento da produção do Learjet deve resultar em 250 demissões nas instalações de Wichita (EUA). A Bombardier ainda planeja demitir cerca de 1400 pessoas em outros locais.

Foram ao todo mais de 3000 aviões produzidos desde 1963, quando o Learjet entrou em serviço. Vários ainda continuam operando voos, sendo um avião bastante utilizado até no Brasil.

Learjet da Sete Táxi Aéreo. Foto: Maycon Jorge

A Bombardier, em contrapartida, disse que continuará apoiando a família de aviões Learjet com peças e atualizações. Ela até lançou hoje um programa de modernização das séries Learjet 40 e 45.

Esse programa incluirá atualizações de componentes exteriores, novos interiores, novos aviônicos e atualizações de motor. É também uma promessa de sobrevida para os jatos executivos mais utilizados.

A última versão da aeronave produzida foi o modelo 75, que também opera aqui no Brasil. Infelizmente ela também será a última a ser lançada e fabricada pela Bombardier.

 

O post Bombardier decide encerrar produção do icônico Learjet apareceu primeiro em AEROFLAP.