Airbus começa a costurar acordos e tecnologias estruturais para o novo avião “de hidrogênio”

Faz algumas semanas que a Airbus apresentou seu novo conceito de avião para o futuro, com uso massivo da propulsão com hidrogênio líquido. A ideia promissora no início logo mostrou um grande desafio à frente: Substituir toda uma cadeia de suprimento de querosene.

Com a característica de ser facilmente inflamável, o hidrogênio ainda precisa ser armazenado em altíssima pressão para se manter em estado líquido, tanto na aeronave como nos tanques dos aeroportos.

Em uma parceria com o Governo de Paris, a Air France-KLM, o Groupe ADP (de aeroportos), a Airbus está agora buscando viabilizar a distribuição de hidrogênio. Um convite foi lançado para a manifestação de interesse de explorar as oportunidades geradas pelo hidrogênio nos Aeroportos de Paris.

Os cinco parceiros compartilham uma ambição comum: identificar e qualificar os avanços da pesquisa em pesquisa e tecnologias, para então testar as soluções economicamente viáveis ​​que atenderão às necessidades de hidrogênio em um aeroporto, para preparar a médio prazo os desafios de seu abastecimento e utilização em maior escala, principalmente com vistas à operação de uma futura aeronave movida a hidrogênio.

Este convite à manifestação de interesse sem precedentes concentra-se em três temas principais:

• Armazenamento, transporte e distribuição de hidrogênio (gasoso e líquido) em ambiente aeroportuário (sistemas de armazenamento, micro-liquefação, abastecimento de aeronaves, etc.);
• Diversificação de casos de uso de hidrogênio em aeroportos e na aeronáutica (veículos e equipamentos de manuseio em terra, transporte ferroviário em aeroportos, fornecimento de energia para edifícios ou aeronaves durante operações em solo, etc.);
• Economia circular em torno do hidrogênio (recuperação de hidrogênio dissipado durante o abastecimento de hidrogênio líquido, recuperação de um subproduto de uma reação para produzir hidrogênio descarbonatado, etc.).

As inscrições estarão abertas de 11 de fevereiro a 19 de março de 2021, através do site hydrogenhubairport.com e os projetos selecionados serão divulgados no final de abril

 

O post Airbus começa a costurar acordos e tecnologias estruturais para o novo avião “de hidrogênio” apareceu primeiro em AEROFLAP.